2 de abril de 2010

Atraso de embarque

Atrasos... Em um país como o Brasil essa palavra soa até normal. Tão normal que até vamos aos lugares já programando os atrasos. O grande problema é quando isso acontece sem querer em um ambiente que não poderia acontecer. Um ônibus, por exemplo. Um atraso dessa magnitude poderia deixar qualquer um louco.

Ele correu por toda a rodoviária pronto para matar alguém para abrir caminhos. Pulava, corria, desviava-se, empurrava e ignorava aos olhares que lhe eram dirigidos. Quando chegou à plataforma, veio o alívio.

— Senhores passageiros para o ônibus de 13 h com destino a Natal. Favor dirigir-se à plataforma 20.

Correu um pouco mais, disposto a não perder o ritmo. E ao encontrar o motorista conferindo as passagens aliviou-se. Afinal, tudo dera certo. A correria desenfreada compensara alguma coisa.

Sentou-se no lugar que deveria e pôs-se a esperar a hora em que o ônibus fosse se movimentar. No entanto, ao invés de ter um momento de descanso e paz. Surpreendeu-se com o que ocorreu.

— Com licença... Esse lugar é meu.

Olhou para o adolescente que tinha um sorriso um pouco tímido, sem graça de tirar alguém do lugar. E foi quando teve uma visão. Na verdade, se tocou. Estava no ônibus de 13:30h e não de 13h.

Levantou-se após se desculpar e sentou-se em outro lugar vago, com a esperança de que ninguém chegasse. A esperança foi em vã.

Sentou, trocou, sentou, trocou, sentou, trocou, sentou e trocou. Foi mais ou menos isso que aconteceu no período de tempo em que se encontrava dentro do ônibus. Não parou em nenhum lugar por muito tempo, até que finalmente o motorista fechou a porta, mostrando que finalmente teria um pouco de paz.

Perguntou-se por um momento como conseguira entrar em um ônibus errado sem que notasse. Mas aí sorriu, feliz por ter conseguido algum ônibus para embarcar.

2 comentários:

Raphael Vitoi disse...

ew, ônibus! D:

isa m. ~ kah disse...

IUAHEIOUHEAUOEA eu rio só de imaginar você contando ='
ótimo, Bella! zo/
Se não tiver atraso em nenhum ônibus, avião ou o que quer que seja aqui no Brasil você pode começar a suspeitar.
beijo =*

Postar um comentário